Federação Portuguesa da Indústria da Construção e Obras Públicas

A CONSTRUÇÃO EM ABRIL DE 2019

Urgente dar prioridade ao investimento

Em matéria de investimento, a situação de Portugal é muito preocupante, já que se afastou de forma significativa da média dos restantes países europeus. Nos últimos oito anos, entre 2011 e 2018, o peso médio do investimento (FBCF) no PIB situou-se pouco acima dos 16,0%, cerca de 4,0 pontos percentuais abaixo da média da União Europeia, que se situou um pouco acima dos 20,5%. Tomando este valor como referência para um nível adequado de investimento, então o País deveria ter investido todos os anos mais 7 mil milhões de euros, o que, em termos acumulados para os oito anos considerados, perfaz um défice de investimento em Portugal, face à média da UE, superior a 55 mil milhões de euros

© 2011 Fepicop. Todos os direitos reservados.

Redicom.pt