Federação Portuguesa da Indústria da Construção e Obras Públicas

A CONSTRUÇÃO EM SETEMBRO DE 2021

Indicadores da Construção com trajetória sustentada de crescimento

De acordo com a informação estatística disponível até ao final do mês de agosto, verifica-se que, globalmente, o setor da Construção mantém uma trajetória sustentada de crescimento, com a maioria dos indicadores setoriais de procura e de produção a registarem variações acumuladas positivas, desde o início do corrente ano. 
Ao nível das transações imobiliárias de alojamentos familiares, observam-se crescimentos significativos nos primeiros seis meses de 2021, quer face a 2020, quer face a 2019.
No que concerne ao total de licenças de construção emitidas pelas autarquias nos primeiros 7 meses do ano, assiste-se a um crescimento de 11,0%, em termos homólogos. Quanto ao licenciamento de fogos em construções novas, verifica-se um aumento de 12,3%, em termos homólogos, para um total de 16.343 habitações.
No segmento das obras públicas, até ao final de agosto de 2021, foram abertos concursos de empreitadas no montante de 2.916 milhões de euros, o que corresponde a uma contração de 15%, face aos 3.430 milhões promovidos nos mesmos oito meses de 2020. Porém, as empreitadas de obras públicas objeto de celebração de contrato e registo no Portal Base nos primeiros oito meses de 2021 totalizam 2.617 milhões de euros, o que traduz um aumento de 42,6%, consolidando uma trajetória positiva no que diz respeito ao volume de empreitadas de obras públicas contratadas.

According to the statistical information available until the end of August, it can be seen that, globally, the Construction sector maintains a sustained growth trajectory, with most sectorial indicators of demand and production registering positive accumulated variations, since the beginning of this year.
In terms of real estate transactions for family housing, there are significant growths in the first six months of 2021, both compared to 2020 and compared to 2019.
With regard to the total number of construction licenses issued by local authorities in the first 7 months of the year, there was an 11.0% year-on-year growth. As for the licensing of dwellings in new constructions, there was an increase of 12.3%, in year-on-year terms, to a total of 16,343 dwellings.
In the public works segment, until the end of August 2021, tenders for works in the amount of 2,916 million euros were opened, which corresponds to a contraction of 15%, compared to the 3,430 million promoted in the same eight months of 2020.
However, the public works contracts subject to the signing of a contract and registration on the Base Portal in the first eight months of 2021 total 2,617 million euros, representing an increase of 42.6%, consolidating a positive trajectory in terms of volume of public works contracted. (Google translation)

© 2011 Fepicop. Todos os direitos reservados.

Redicom.pt